Geral

Atenção à saúde integral dos times é prioridade para a Tronox

Evento realizado pela Tronox antes da pandemia do novo coronavírus. Atividades esportivas presenciais seguem suspensas pela empresa há um ano

Em 1984, a Organização Mundial da Saúde estabeleceu o 7 de abril como Dia Mundial da Saúde para incentivar a população buscar mais qualidade de vida e bem-estar. Desde então, o mês de abril passou a ser marcado por fóruns, debates e ações neste sentido.  Na Tronox, indústria química produtora de pigmento localizada em Camaçari – e que completou 50 anos da sua fábrica na Bahia em 2021 -, ter um balanço dos programas que proporcionam mais saúde aos empregados faz parte dos indicadores que balizam a maturidade do negócio.  

Na prática, isso representa investir no Programa de Qualidade de Vida (PQV), que cuida da saúde física e emocional das pessoas que trabalham na Tronox e dos membros dos núcleos familiares de cada indivíduo. De 2019 até hoje foram investidos R$ 550 mil em suporte à assessoria esportiva, caminhadas/corridas, reembolso para academia, pilates, hidroterapia, massoterapia, quiropraxia e no Programa de Apoio ao Empregado (PAE).  

De 2019 até hoje foram investidos R$ 550 mil em suporte à assessoria esportiva, caminhadas/corridas, reembolso para academia, pilates, hidroterapia, massoterapia, quiropraxia e no Programa de Apoio ao Empregado (PAE)

As iniciativas neste sentido começaram em 2003, com um programa de vacinação interno, atividades fisioterápicas e convênio com academias. Em 2004, a fábrica realizou um Estudo do Risco Cardíaco nos times e, também, lançou o programa VIDA para apoiar empregados e dar suporte e auxílio àqueles que tivessem familiares com dependência química. Em 2008, introduziu acompanhamento nutricional e ginástica laboral.  

Líder de Saúde Ocupacional da Tronox, a médica Márcia Lucena, funcionária há 28 anos, conta que em 2011 a fábrica baiana iniciou o Programa de Qualidade de Vida, criado pelas áreas de saúde e recursos humanos, trazendo como benefícios a redução do número de doenças ocupacionais, do absenteísmo, do afastamento previdenciário ou por doenças psiquiátricas.  “Na estrutura do PQV, a Tronox tem uma assessoria esportiva que realiza treinos diversos com os empregados”, informa a médica sobre o programa, que é sempre atualizado.  

“Nesse cenário de pandemia, que exigiu distanciamento social, os exercícios semanais passaram a ser orientados via Zoom. O programa oferece ainda acompanhamento nutricional, apoio psicológico, procedimentos de quiropraxia, fisioterapia e massoterapia, subsídio para pilates e hidroterapia e reembolso para natação. A empresa também oferece suporte para eventos esportivos que o empregado tenha interesse em participar”, completa.

Os exercícios semanais passaram a ser orientados via Zoom

Marco evolutivo
“Os resultados positivos do Programa Qualidade de Vida da Tronox estão sendo celebrados em consonância com as ações comemorativas dos 50 anos da fábrica baiana”, diz o gerente de RH da Tronox no Brasil, Rodrigo Assunção, que explica como as ações se intensificaram no primeiro trimestre de 2020 em meio aos desafios trazidos pela pandemia.  

“Nossa cultura é alicerçada pelo diálogo, aperto de mão e abraços calorosos na chegada à fábrica, pelas trocas durante as refeições, atividades físicas em grupo, dentro e fora da empresa, e sinergia para realizar os projetos e treinamentos.  Com a pandemia, tivemos que pensar em métodos para preservar a saúde dos empregados da área operacional e dos que migraram para o trabalho remoto”, explica Rodrigo.  

No ano passado, o Programa de Qualidade de Vida foi fortalecido. Com apoio e consultoria da Chestnut Global Partners (CGP) do Brasil foi criado o Programa de Apoio ao Empregado (PAE), que busca contribuir para o equilíbrio emocional do time. “A Tronox tem como premissa cuidar não apenas do negócio, mas do seu maior patrimônio: as pessoas. A pandemia reforçou que as lideranças e os times da fábrica na Bahia, da mina na Paraíba e do escritório em São Paulo são imprescindíveis para nós”, afirma Rodrigo Assunção.  

 Um dois encontros promovidos pelo Programa de Qualidade de Vida antes da pandemia (Foto: Alexandre Neto)

Sobre o PAE
Além de oferecer a estrutura para que o empregado tenha atendimento psicológico via plano de saúde, a Tronox lançou o Programa Equilíbrio dentro do Qualidade de Vida, com estrutura oferecida pelo Programa de Apoio ao Empregado, incluindo atendimento psicológico ao usuário.  

O PAE oferece suporte para resolução de problemas que podem comprometer o equilíbrio emocional dos empregados e seus familiares, como orientações com especialistas na área jurídica, financeira e previdenciária.  O serviço, oferecido gratuitamente, é confidencial. A assistência é feita por um 0800, de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h. Em emergências, o suporte é 24 horas.  Em casos de psicoterapia focal, o atendimento é presencial. O Programa Equilíbrio também promove palestras voltadas para saúde mental.  

Melhor empresa para trabalhar
Eleita como uma das melhores empresas do setor químico e petroquímico  para trabalhar, a Tronox tem as pessoas como prioridade.  “Para nós, tão importante quanto oferecer ascensão na carreira, salários compatíveis com o mercado, bonificações, compromisso social e ambiental e projetos com comunidades, é possibilitar que todos gozem do bem-estar físico e mental no exercício de suas competências, seja na fábrica na Bahia, no escritório em São Paulo ou na mina na Paraíba”, declara Roberto Garcia, diretor geral da Tronox no Brasil.   

Para o executivo, a maturidade de uma empresa é atestada quando ela se propõe a fazer aquilo que ultrapassa as fronteiras da obrigação legal. “Entendemos que mais que reunir pessoas de grande talento, estamos focados em mantê-las conosco e criar possibilidades para que dentro da nossa empresa elas estejam felizes, realizadas e produtivas. Enxergar o nosso time bem e em harmonia é o indicador mais importante para o nosso balanço anual”, conclui o diretor-geral.   

Resultados positivos 
• O número de CAT’s emitidas por doença ocupacional nos últimos 5 anos é zero. Deve-se pelas ações para riscos ergonômicos, mas também pelo aumento de empregados praticando atividade física, com consequente fortalecimento da musculatura, incentivados pelo PQV.  

• O absenteísmo é menor que 2%. Apesar desse número não ter relação somente com o PQV, a empresa acredita que o programa influencia no resultado, já que o afastamento do trabalho geralmente acontece por doenças.  

• Afastamentos por doenças psiquiátricas/psicológicas nos últimos 15 anos é zero.  

• Redução do número de pessoas com alto risco de desenvolver eventos cardíacos agudos: em 2007 era de 6,7% e em 2013 caiu para 0,5%. Desde 2015, este percentual é 0%.   

Atividades do PQV

  1. Atividade esportiva
  2. Massoterapia na empresa
  3. Quiropraxia na empresa
  4. Bolsa academia
  5. Fisioterapia na empresa
  6. Nutrição na empresa
  7. Ginástica Laboral
  8. Apoio psicossocial
  9. Palestras
  10. Suporte para pilates e natação


O Estúdio Correio produz conteúdo sob medida para marcas, em diferentes plataformas.