Geral

Criminosos invadem fazenda que foi alvo de reintegração de posse e torturam funcionários em MT


Os funcionários contaram aos policiais que os criminosos perguntavam onde estava a arma de um deles e onde estava o “cara de bigode”. Funcionários de fazenda são torturados em MT
Reprodução
Funcionários de uma fazenda localizada em Cotriguaçu, a 941 km de Cuiabá, foram agredidos, torturados e ameaçados por criminosos que invadiram o local na noite de sábado (9). A fazenda, segundo o proprietário declarou à Polícia Militar, encontra-se em litígio judicial e recentemente foi alvo de reintegração de posse.
Os funcionários contaram aos policiais que os criminosos perguntavam onde estava a arma de um deles e onde estava o “cara de bigode”.
Conforme boletim de ocorrência, no dia 5 de janeiro, os funcionários viram quando 13 homens invadiram o local, três deles armados.
Já no sábado, o proprietário disse que recebeu uma mensagem via WhatsApp da fazenda vizinha dizendo que três de seus funcionários estavam no local pedindo socorro, pois haviam sido torturados por criminosos que invadiram o local.
Funcionários de fazenda são torturados em MT
Reprodução
Equipes da Polícia Militar e da Polícia Civil foram até a fazenda, já que segundo os três funcionários afirmaram, outros trabalhadores também haviam sido vítimas dos criminosos e não teriam conseguido sair da propriedade devido aos ferimentos. Segundo eles relataram à PM, após agredi-los, os criminosos disseram que voltariam durante a madrugada e matariam quem ainda estivesse no local.
Militares foram até a fazenda e resgataram os demais funcionários que estavam machucados. Todos foram encaminhados para a delegacia para a confecção do boletim de ocorrência.