Geral

Golpe é flagrado pela Polícia Civil e jovem presa por falsidade ideológica em Patrocínio

Segundo delegado, ela é suspeita de integrar quadrilha que dá golpes em concessionárias de veículos da região. Outro suspeito estava no local, porém conseguiu fugir. A Polícia Civil prendeu uma jovem em flagrante, nesta terça-feira (5), enquanto tentava dar um golpe em uma concessionária de veículos de Patrocínio. Ela é suspeita de integrar uma quadrilha da região especializada nesse tipo de crime. Outro suspeito estava no local, mas conseguiu fugir.
De acordo com os investigadores, a prisão aconteceu na concessionária que estava prestes a levar o golpe, no Bairro São Judas. A suspeita estava portando uma identidade falsificada de uma vítima da cidade de Guimarânia e iria comprar um veículo zero quilômetro utilizando o nome da vítima.
No entanto, a polícia já estava ciente do crime e interveio, prendendo a jovem em flagrante por estelionato e uso de documento falso.
Um outro suspeito, de idade não informada, estava esperando do lado de fora da concessionária e, ao avistar os policias, fugiu a pé, deixando o próprio carro no local. A suspeita foi levada para o Complexo Penitenciário Nossa Senhora do Carmo, em Carmo do Paranaíba.
Investigação
Segundo o delegado Renato Mendonça, a quadrilha era investigada há cerca de dois meses, após um integrante ser preso tentando transferir um veículo comprado em Belo Horizonte utilizando este mesmo tipo de golpe.
A fraude só foi descoberta porque a concessionária havia ligado para a vítima que teria tido o nome utilizado na compra e ela, ao perceber o que aconteceu, acionou a Polícia.
O delegado também informou que o grupo é baseado em Patrocínio, porém não costuma agir lá, atuando em outras cidades da região.
A investigação ainda está em andamento, com outros cinco suspeitos em Patrocínio, e indícios de que haja dezenas de pessoas envolvidas, inclusive servidores da Polícia Civil de outras cidades.