Geral

Governador do Pará fecha fronteira com Amazonas para conter avanço do Covid-19

Medida vale para tráfego de embarcações, já que não há ligação entre os estados por estrada. Decisão será publicada no Diário Oficial (DOE) desta quinta-feira (14). Helder anuncia restrições de embarcações vindas do Amazonas
O governador do Pará, Helder Barbalho (MBD), anunciou nesta quarta-feira (13) que vai proibir a circulação de embarcações vindas do estado do Amazonas. Segundo o governador, a medida é preventiva, para evitar o contágio pela Covid-19. A decisão será publicada no Diário Oficial (DOE) desta quinta-feira (14).
Segundo o governador, a medida busca frear o avanço da pandemia no estado. Não há ligação por estrada entre os estados, por isso a medida preventiva só diz respeito à embarcações.
A decisão foi tomada após uma nova variante do novo coronavírus ser encontrada no Amazonas, segundo informações a Fiocruz. De acordo com o pesquisador e vice-diretor da instituição, Dr. Felipe Naveca, apresenta uma série de mutações vistas pela primeira vez.
Variantes do coronavírus: o que se sabe até agora em 5 perguntas e respostas
No domingo (10), o governo japonês anunciou que as autoridades de saúde do país encontraram a variante do vírus em quatro viajantes que estiveram no Amazonas e voltaram ao Japão em 2 de janeiro.
“A variante encontrada por pesquisadores japoneses a partir de pessoas que estiveram no Amazonas tem uma série de mutações que ainda não tinham sido encontradas. Algumas mutações dela envolvem mutações na proteína Spike, que faz a interação inicial com a célula humana, então isso chama muita atenção”, explicou Naveca.
O Amazonas é um dos estados que mais sofre com a Covid-19 no Brasil: até esta terça (12), mais de 218 mil foram infectadas, com mais de 5,8 mil mortes.
No Pará, foram registrados 306.029 casos de Covid-19 e 7.366 óbitos pela doença.