Geral Justiça

Mourão retoma atividades na segunda após 12 dias afastado com Covid-19, diz assessoria

Vice-presidente da República foi diagnosticado com o novo coronavírus em 27 de dezembro. Desde então, o político permaneceu em isolamento no Palácio do Jaburu. O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, recebeu alta médica para voltar ao trabalho na próxima segunda-feira (11), informou a assessoria da vice-presidência nesta sexta (8).
Mourão ficou 12 dias em isolamento no Palácio do Jaburu, em Brasília, após ter sido diagnosticado com Covid-19. O resultado positivo foi divulgado em 27 de dezembro.
Na terça (5), a equipe de Mourão informou que o vice-presidente estava bem e fazia exercícios respiratórios para se recuperar da Covid-19.
Hamilton Mourão testou positivo para Covid-19 no fim de dezembro
Antes de receber o diagnóstico, segundo a assessoria, Mourão tinha apresentado dor no corpo, dor de cabeça e febre que não passou de 38 graus. A equipe também informou que Mourão estava sendo medicado, sem detalhar essa medicação.
Autoridades infectadas
Com o diagnóstico, Mourão passou a integrar uma extensa lista de políticos que contraíram o coronavírus.
Todos os chefes de Poderes que já foram infectados se recuperaram da doença. O presidente Jair Bolsonaro anunciou resultado positivo para a Covid-19 em julho. A primeira-dama, Michelle, e 14 ministros também se contaminaram desde o início da pandemia.
Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente do Senado, contraiu a doença em março e, Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara, em setembro.
Também em setembro, o ministro Luiz Fux, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), foi diagnosticado com o coronavírus dias depois de assumir a presidência da Corte.