Geral

Oxalaive recebe Lande Onawale nesta sexta-feira (5)

Questões fundamentais da negritude são debatidas na Oxalaive desta sexta-feira (05/02), que tem como convidado o escritor baiano Lande Onawale. Com uma trajetória literária aliada à militância no Movimento Negro, Lande bate um papo com o escritor Nelson Maca, que conduz o encontro a partir das 16h. Com encontros semanais até 09 de abril, a Oxalaive celebra a simbologia de Oxalá.

Lande é autor dos livros de poemas O Vento (2003), Kalunga – Poemas de um Mar Sem Fim/Poems of an Infinite Sea (2011) e Pretices & Milongas (2019). Em 2011, lançou seu primeiro livro de contos, Sete – Diásporas Íntimas e tem publicado poemas e contos em diferentes antologias, a exemplo da Cadernos Negros na qual marcou presença em seis edições. 

Como compositor, teve canções executadas pelos blocos afro Malê Debalê e Olodum. Este ano, sua composição Uanga abriu o álbum Bom Mesmo é Estar de Baixo D’água, da cantora Luedji Luna. Um dos criadores do projeto Quartinhas de Aruá – Encontros de Literatura Negra, Lande dialoga também com o audiovisual: em 2005, atuou como assistente de direção, pesquisador e redator do documentário Makota Valdina – Um Jeito Negro de Ser e Viver.

Programação
Lande Onawale – BA (05/02)
Jocélia Fonseca – BA (12/02)
Renato Negrão – BH (19/02)
Jacquinha Nogueira – BA (26/02)
Sarau 2 (26/02)
Ras Tandas – Moçambique (05/03)
Luz Ribeiro – SP (08/03)
Rainha do Verso – RJ (12/03)
Guellwaar Adún – BA (19/03)
Elisângela Rita – (Angola) (26/03)
Geni Guimarães (SP) (02/04)
Sarau de encerramento (09/04)
 
Serviço
Evento: Oxalaive
Quando:  Sexta-feira (29/01), das 16h às 18h
Transmissão: YouTube do Blackitude
YouTube da Balada Literária
Gratuito