Geral

Polícia recupera centrais de ar furtadas da prefeitura de Macapá que eram vendidas em loja


Dono do estabelecimento onde produtos eram expostos não foi localizado. Materiais foram levados da Divisão de Patrimônio no fim de 2020. Centrais de ar e materiais de informática recuperados em Macapá
Polícia Civil/Divulgação
Seis centrais de ar-condicionado e equipamentos de informática furtados da Divisão de Patrimônio da Prefeitura de Macapá foram recuperados pela Polícia Civil. Os materiais sumiram do local no fim de dezembro e alguns deles foram encontrados sendo vendidos numa loja, da qual o proprietário não foi localizado até o momento.
O caso é investigado pela 1ª Delegacia de Polícia Civil (1ª DP) que recebeu a denúncia de que 10 centrais de ar e sete computadores haviam sido levados da divisão. Não foram encontrados sinais de arrombamento.
Em diligências, agentes acharam 3 centrais semelhantes às furtadas sendo expostas numa loja. Ao exigirem a nota fiscal, o funcionário não apresentou, assim como não informou a origem dos produtos.
Em seguida, a 1ª DP confirmou que os números de série das centrais eram os mesmos das levadas da prefeitura. Em novas diligências, mais 3 equipamentos foram encontrados na casa de um comerciante.
“Até o momento conseguimos recuperar 6 centrais de ar e equipamentos de informática. O responsável por ter supostamente adquirido, estar ocultando ou guardando os objetos, não se encontra em Macapá. Porém, ele já foi identificado, qualificado e será responsabilizado”, detalhou o delegado José Neto, titular da 1ª DP.
Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá
ASSISTA abaixo o que foi destaque no AP: